Pular para o conteúdo principal

Postagens

Imagem...

A chuva cai, deixando a noite cada segundo mais gelada.
E meu corpo queima de desejo.
Você.
No silêncio que cai,minha pele arde.
Meu sangue borbulha, as mãos suam.
Meus olhos se fecham e trazem tua lembrança.
A cor da tua pele branca.
O shorts preto contrastando com teu corpo.
Teu peito nu.
Teu membro ereto e meu.
Tuas mãos ágeis e frágeis.
Teu sorriso de menino se juntando ao teu jeito de canalha.
Te vejo, mas não posso te tocar.
Te sinto, mas não posso te ver.
Te desejo e vou te ter.
Por uma noite apenas,és meu.
Meus gemidos altos invadem a noite.
Me procuro, achando você.
O corpo em brasa não vê descanso.
No ritmo frenético dos dedos que não param.
O suor escorre pelos meus seios.
Você os suga com fome, sacia teus desejos.
A noite é silenciosa, eu sou solitária.
Eu sorvo teu gosto com minha lingua.
Sinto teu doce se juntar ao meu.
As bocas se fundem no sexo, no nosso sexo.
Te faço gemer e bebo do teu mel.
Lambuzo teu corpo com meu gozo.
Alimento o fogo que me consome.
Dou-te meu fogo que não te convém.

A noit…
Postagens recentes

Recordações...

Vou me lembrar de você! Do seu sorriso tímido. Quase não sorrindo...essa mistura de felicidade e tristeza, que só você consegue transmitir.
Vou me lembrar de você! Dos seus olhos sempre tristes. Solitários, perdidos num infinito que só você sabe onde é.
Do brilho triste que eles sempre trouxeram e me encantaram.
Vou me lembrar de você! Das suas mãos cheirando bala de goma, pés-de-moça grudando nos dedos lambidos...menino que só você sabe ser.
Vou me lembrar de você! Dos seus cabelos arrepiados, cheirando a shampoo barato..Topete mal feito,enfeite que você nunca precisou.
Vou me lembrar de você! Das tardes com sabor de sofá e brincadeiras de roda.  Do esperar pelo Chaves e gargalhar nos episódios repetidos, únicos.
Vou me lembrar de você! Das manhãs com cheiro de café novinho e do Todynho gelado. Da sopa de bolachas e do pão com manteiga derretendo.
Vou me lembrar de você! Das noites com sabor de poeira sendo levada pelo vento. Do frio e do aninhar do meu corpo no teu.
Vou me lembrar de você! Da chuva qu…

Bruto...

Queima...
O fogo do teu beijo.
Gela... 
O apertar das tuas mãos.
Devora...
O desejo dos teus olhos.
Brutaliza...
A maneira com que me penetras.
Caçador em busca da presa.
Presa no desejo que me inflama.
Tuas mãos grandes e fortes me apertam.
Teus dedos me penetram,derreto.
Molho você, escorro em você.
Tua boca me lambe, me morde, me come.
Suga,dói,sorri...
Bruto...homem, macho!
Não quero fugir, não vou fugir.
Mordo teu pescoço, arranho tuas costas.
A pele arrepia, eu te molho outra vez.
Quero você agora!
Inteiro, meu, dentro de mim.
Gemidos baixinhos,sinto teu gosto...
Provo da tua carne.
Você prova do meu mel...
Escorre na tua boca, te beijo, me sinto.
Me invade.
Arranho a parede,grito teu nome.
Estoca com força, me faz tremer no teu corpo.
Inteiro...
Teso...
Meu...
Teus dedos continuam em mim...
Safados, molhados...
Brincam...
Entram.
Me toma, de uma vez.
Te recebo,te quero.
Te molho.
Me preenche.
Teu gozo escorre,derrama nas minhas pernas.
Te engulo.
Te limpo.
Te beijo.
Bruto, macho....homem, meu!




Que seja...

E eu estou aqui, olhando você.
Perdida dentro dos meus pensamentos, tentando adivinhar os seus desejos.
Pra onde seus olhos traçam rotas?
Pra quem sua boca de veludo sorri?
Por onde seus pensamentos viajam tanto?
Ah...homem dos olhos alegres, da boca gostosa...como queria eu, poder decifrar você!
E quanto mais eu te olho, mais eu quero você.
Seus gestos simples, tuas palavras sempre não pensadas, poetizadas, sentidas.
Sempre me dizem o tudo que quero saber.
Tua alma é transparente...e por esse mesmo motivo, te vejo em mim.
Por mais que saiba que não há segredos, ainda quero descobri-los todos em teu olhar.
Não é feio querer te desvendar...mas eu admito, queria te ver nu, inteiro...
Pra mim.
Quando estou com você, o mundo deixa de ser tão questionador.
Eu esqueço tudo que quero perguntar, que quero saber...
E fico ali, só com você.
A cada beijo seu, preciso de mais, desejo mais.
A cada segundo que passo com você, eu quero mais...necessito mais.
Moço...
Direciona pra mim teu olhar? 
Sorria pra mim tantas v…

Menina...

Meus olhos estão em você.
Menina travessa...olhar que te quer.
Chego pertinho...mordo meu lábio.
A língua úmida traça minha boca.
Inocente...mulher!
Você deitado...eu me abaixo.
Te beijo levemente...provocação.
Mordisco...você se retrai.
Beijo molhado...você se entrega.
Minha língua encontra a sua,bailam.
Teu desejo grita...
Gemo baixinho..."quero você"
Me levanto sorrateira.
Você me olha questionador.
Me dispo pra você.
Lenta e matreira.
Olho teu corpo se retesar,me desejar.
Nu...pulsante,vivo.
Me puxa pelo quadril,me leva sobre você.
Encosto...te molho.
Orgasmo delicado...doce.
Você se espanta.
Sorri.
Te provoco, te peço.
Não há delongas, não há espera.
Me vira violento.
Me coloca de quatro na cama.
Agarro firme o que encontro.
Você me penetra forte.
De uma vez.
Teu corpo quase todo sobre o meu.
Me esmaga, me fere,me faz mulher.
Grito alto.
Teu nome sonoro.
Uivos de animais incontidos.
Desaguo no teu corpo feito cachoeira.
Orgasmo dolorido,sentido.
Eu em você.
Você em mim.
Me pega sem jeito.
Beija minha boca.
Suo…

Não me mande embora...

Não me mande embora.
Não me peça para sair.
Ao contrário, me enlace em teu corpo e me deixe aí para sempre.
Recite teus versos incertos e me faça rir da tua perversão.
Cola teu corpo no meu.
O amarre, o envolva, o enlace.
Me abrace.
Não me mande embora.
Segura firme a minha mão e beije meus dedos,um a um.
Enrole meus cabelos em teus dedos.
Perfume-se.
Sinta teu cheiro que está impregnado em mim.
Me peça pra ficar com você.
Só a vida inteira.
Grite bem alto que me deseja e que é feliz quando está comigo.
Fale meu nome.
Soletre cada letra, escreva, cantarole,sussurre.
Espalhe aos quatro ventos que pensa em mim a todo momento.
Não me mande embora.
Me segure apertada contra o teu corpo.
Me embale numa canção.
Só não me faça dormir em teus braços.
Seria injusto com meu corpo que te quer.
Dedilhe um velho rock n roll na guitarra empoeirada.
Toque uma melodia pra mim, só para mim.
Me diga que sou a mulher que povoa teus pensamentos.
Minta pra mim.
Me chame de anjo bem baixinho.
Morda de leve minha orelha, devagarinho..…

Agora...

Meu corpo pede.
 Acelero a respiração.
    Minhas pernas.
       Trêmulas.
         Abertas.
            Dobradas...
               Te querem.
Meu sexo te deseja.
 Chupada.
   Lambida.
      Tocada.
         Espalmada.
            Mordiscada.
               Dolorida.
                 Penetrada.
                    Molhada...
Minha boca te pede.
 Quente.
   Viscoço.
     Doce.
       Amargo.
         Suga.
           Morde.
                Engole...
Vem...
  Chupa-me.
    Lamba-me.
      Coma-me.
        Devora-me.
          Arranha-me.
             Penetre-me.
               Machuque-me.
                   Me faça.
Agora!!!