Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

O Vento...Só uma canção....

"Voe por todo o mar e volte aqui... Voe por todo o mar e volte aqui... Pro meu peito.

Se você foi, vou te esperar. Com o pensamento que só fica em você.
Aquele dia, um algo mais. Algo que eu não poderia prever. Você passou  perto de mim. Sem que eu pudesse entender. Levou os meus sentidos todos... Pra você.

Mudou a minha vida e mais. Pedi ao vento pra trazer você aqui. Morando nos meus sonhos e na minha memória. Pedi ao vento pra trazer você aqui.

Vento traz você de novo. Vento faz do meu mundo um novo. E voe por todo o mar e volte aqui. E voe por todo o mar e volte aqui...


Pro meu peito...



Miséria De Amor....Excesso De Dor!!!

Pobre menina que ainda sonha. Imersa em sua imaginação. Perdida em seus devaneios. Desenha nas nuvens, traça no céu azul. Cores, castelos, jardins. Sonhos, personagens, sentimentos. Enfim.
Se deixa viajar em seus sonhos. Se coloca no ar, voa solitária em meio aos desenhos de algodão. Segura seus sonhos nos dedos frágeis. Adorna anéis imaginários. Sorri, moleca... Feliz.
Ela pode sonhar, ela vive. Sente o amor do homem que ama na ponta dos seus dedos. Abraça firme sua mão, suspira. Aninha seu corpo ao dele. Viagem de amor, sonhos. Sem fim. Insana.
Flores azuis, amarelas e vermelhas. Balé que não perde o ritmo. Música sonora, melodia inebriante. Eles dançam no céu de veludo. Deixam o amor conduzir seus pés com asas. Voam livres, são livres. Um no outro. Dois.
Já não há mais dor e sofrimento. Já não choram mais. Riem ao som da canção. Bailam desgovernados no céu de anil. São almas gêmeas. Dois apaixonados que se encontraram. Vida que não seguiu. O fim.
Tecem palavras de amor. Poemas, poesias, declarações. Não precisam de voz…

Arrepender-se...

Em algum momento de um futuro que peço a Deus para que seja próximo, você ainda irá procurar por mim.
Quando não houver mais ninguém ao seu lado, suportando suas crises de baixo astral, seus "xiliques "de menino mimado e egoísta, você irá procurar por mim.
Quando você se der conta do quão sozinho estás e que ninguém mais irá parar o próprio mundo só para ouvir teu silêncio absurdo, você procurará por mim.
Quando no frio das noites de inverno você virar pro lado e só ter o vazio gelado ali, por você, ainda procurará por mim.
Nem que leve anos, milhares de anos...você vai se lembrar de mim.
Do quanto estive ao seu lado durante suas crises de incertezas. Do quanto segurei suas mãos nos seus dias de tristeza(e eram muitos dias) Da forma como te abraçava e tentava tirar todas suas dores. Do jeito que te fazia sorrir, quando o mundo parecia ainda mais cruel.
E nesse fatídico dia, você irá puxar por mim nas suas lembranças.
Irá puxar meu sorriso que te amparava. Meus braços que te envolviam. M…

Só um aviso!!!!

"...E não adianta nem me procurar...
Em outros timbres, outros risos...
Eu estava aqui o tempo todo
Só você não viu.."

P.s(Fui ali ser feliz sem você...e oh, segura o queixo,idiota...seu tempo acabou!!!!!)

Cachorro Grande - Sinceramente

Só uma canção...

                                              "Eu desistira da eternidade para tocá-la                                                Pois eu sei que você me sente de alguma maneira.

                                             Você é o mais perto do paraíso                                              Do que eu jamais estarei                                             E eu não quero ir para casa agora                                            E tudo que eu sinto é este momento                                           E tudo que eu respiro é a sua vida                                          Porque mais ou mais tarde isso irá acabar                                          E eu não quero sentir a sua falta essa noite                                         E eu não quero que o mundo me veja                                        Porque eu não acho que eles entenderiam                                       Quando tudo é feito para não durar                                       Eu só quer…

Fato!!!!

Peço...

E eu te peço... Enfia essa língua dentro de mim. Invade minha boceta. Traz meu gozo na ponta do teu desejo.
Vai e vem...
Invada, soca.
Busca meu prazer, teu prazer.
Derramar nas coxas, ponta da língua.
Gemidos sem fim.
Teu nome nos meus sussurros.
Meu nome desenhado na minha carne. Mete fundo e sem parar. Me morda, me chupa, me devore.
Me lamba, me engula, me sacie.
Se sacie...
Enfia essa língua dentro de mim!!!

Crônica Do Amor...Dia dos Namorados...Fim!

E acabou o "Dia dos Namorados"... Acabou a falsidade do amor pregado e imposto. Acabou o que nunca existiu. A pieguice dos casais, a melosidade dos "eu te amo" fabricados em redes sociais, fotos juntinhos e presentes trocados. Acabou o dia dos corações enamorados, mentira dos casais perfeitos e unidos. Das declarações que tiraram lágrimas dos olhos das mocinhas despreparadas pela vida cruel. Ah...doce criança... Hoje volta o amargor dos dias. O mal humor do cotidiano. O vazio dos corações e a solidão das almas. Eu não recebi um "eu te amo" falso. Não ganhei um presente imposto pelas grandes lojas comerciais. Não ganhei um beijo...no rosto, mãos, boca...e muito menos, nos olhos. Não fui presença, não recebi presença. Não senti um abraço para esquentar o frio que o dia trazia. Não recebi uma carta de amor, um poema repleto de erros ortográficos. Não ganhei na batalha injusta do tempo/presença... Indiferença/Ausência. Fiquei com o fingimento do ser feliz, do estar feliz. Fiqu…

Batalha Na(da) Alma!!

A briga eterna do coração.
Sentimento e razão.
Emoção e dor.
Coração embrigado de amor.
Perdido por amor, em amor.
Doce sentimento que amarrota a minha sensatez.
Coração embargado de dor.
Tristeza sem fim na aceitação do que não aconteceu.
Alma sem morada.
Sossego que não me pertence.
Triste fim do hoje que se perdeu.
Por amor, por traição.
Por fé, por acreditar em nada.
Meu corpo te pede.
Minha mente te diz adeus.
Meu coração te chama.
Minha razão faz tuas malas.
Ah...briga indecente do amor que não existiu.
Batalha cruel que o tempo não apagou.
Transbordo.
Derramo.
Dúvidas sem fim.
O fim do começo.
O começo de mim.
Me reinvento.
Me ignoro.
Me anulo.
Razão!!!
(Entre a razão e a emoção...eu escolho a mim)



Eu Te Amo(Não Diz Tudo)....

Você sabe que é amado(a) porque lhe disseram isso?
A demonstração de amor requer mais que beijos,sexo e palavras.
Sentir-se amado é sentir que a pessoa tem interesse real na sua vida.
Que zela pela sua felicidade,que deseja saber e quando quer conferir,não é ciúmes, pode ser amor mesmo,confiar em quem me fala sempre a verdade da sua vida.
Quem se preocupa quando as coisas não estão dando certo.
Que se coloca a postos, para ouvir suas dúvidas.
E que dá uma sacudida em você quando for preciso.
Ser amado(a)  é ver que ele(ela) lembra de coisas que você contou há dois anos atrás.
É ver como ele(ela) fica triste quando você está triste.
E como sorri com delicadeza quando diz que vcoê está fazendo tempesttade num copo de água.
Sente-se amado(a), aquele(a) que não vê transformada a mágoa em munição na hora da discussão.
Sente-se amado(a), aquele(a) que se sente aceito, se sente inteiro.
Aquele que sabe que tudo pode ser dito e compreendido.
Sente-se amado quem se sente seguro para ser exatamente como é.
S…

Igual a Você(Nenhum de Nós)

"Eu sei que nós dois éramos bons amigos. Você conhecia meus medos escondidos. Eu guardava segredos proibidos Estávamos ligados, comprometidos.


Algumas vezes menti pra te proteger. Você me fez fugir quando o melhor mesmo era correr. Eu fazia você sorrir na hora exata de chorar. Você me ensinou a pedir quando eu insistia em mandar.



Agora você tem novos amigos. Normal que um dia isso fosse acontecer. Só não me faça te odiar. Não me peça pra esquecer. Não espere que eu seja igual a você. Igual a você.


Algumas vezes menti pra te fazer correr. Você me fez fugir só pra me proteger. Eu fazia você sorrir quando insistia em mandar. Você me ensinou a pedir na hora exata de chorar.








Trepa?

Tremer na sua boca. Gemer nos lençóis. Molhar nos teus lábios. Gozar...nos meus dedos!
Trepa comigo hoje?

Vontades...

Preciso te dizer o que quero hoje?
Vem e me dá o que quero!!!

Ah....o frio!!!!

                                    Sede....

De você!!!

Súplica...

Deitada.
Te espero.
Afoita.
Te quero.
Ofegante.
Te pego.
Sedenta.
Te chupo.
Esfomeada.
Te devoro.
Me dispa.
Me coma.
Me queira.
Me tome.
Me ame.
Mete...

Em mim?

Só Um Pedacinho...

Indiferente...

Chegou o exato momento em que me cansei.
Cansei, simples e nada fácil, mas cansei.
Cansei de ouvir e ler suas desculpas esfarrapadas.
Sempre um teatro diferente, uma historinha que nunca convencia.
Cartas marcadas, jogadas na mesa da desconfiança.
Eu ouvia, lia...e fechava os olhos me dizendo:
"não esquenta...deixa ele acreditar que mais uma vez, me enganou".
Tudo continuava igual, as vezes uma briga, mas a historinha não funcionava mais comigo.
Cansei...de deixar meus "bom dia, boa tarde, boa noite"...sempre ali, apaixonados, estampados...e melosos...
E só receber resposta,quando recebia, horas e horas depois...
E mesmo assim, sem nada de carinho, de amor, de atenção.
Sempre uma coisa a fazer.
Um dormir, um sair, um amigo.
Uma balada, uma tv ligada, um vídeo novo.

O trabalho, o médico, o ônibus.

A lanchonete, o mercado, a rua de casa.
Um game novo...
Eu cansei de esperar atitudes de você.
Um telefonema, um oi..
Um você está bem?

Mendiguei atenção, ah, como mendiguei.

Pedi diariamente …