Tempo...

A vida é um sopro.
Um sopro leve e voraz.
Um sopro, apenas um sopro.
Quem garante que você estará lendo este texto daqui dez minutos?
Quem pode assegurar que amanhã você irá reclamar quando o celular tocar desesperadamente as 5 e 10 da manhã?
Ou que aquela caminhada planejada e esperada de hoje a tarde, acontecerá?
Não podemos!
Quem pode me assegurar que eu ou você teremos tempo de enviar um oi a alguém que sentimos falta?
Ou que você conseguirá visitar aquela prima que está esquecida há tanto tempo?
Não somos donos de nós mesmos, não temos nossas vidas nas mãos.
Somos donos sim, mas de momentos que nos são ofertados.
Sempre preguei o "começo, meio e fim".
E isso valendo para os dias. Um a um.
Começo. Meio. Fim.
Ré assumida: sou humana(mesmo não parecendo).
Erro pra Cacilda(vamos no maiúsculo mesmo)
Deixo minhas pendências penduradas no meu varalzinho particular todas as noites, quando "tenho tempo".
As vezes, estou tão cansada, que não consigo coordenar minhas falhas e tentativas de acerto para o dia seguinte.
Por isso, sempre tento encerrar meus dias mais cedo. 
A vida é um sopro.
Talvez não tenhamos o amanhã e nem o depois.
Então, é hora de parar com isso de sentir medo de dizer o que se pensa. De falar de sentimentos, de dar abraços e beijos e dizer as pessoas o quanto elas nos são especiais.
Brigou hoje? Tentar consertar hoje.
Amou hoje? Tentar sentir hoje.
Ficou magoada(o) com algo? Tentar descrever...hoje!
Não somos donos do nosso tempo, aliás, não temos tempo.
Nascemos não programados, mas aprendemos desde pequenos a nos robotizar diante de tudo.
Cansamos de ler mensagens bobas hoje em dia:"fulano demorou para responder, vou demorar dez vezes mais".
Ciclano não me deu bom dia hoje, amanhã também passarei por ele e virarei até o rosto".
Ah, tomar no rabo com vontade!
Vamos seguir nossos corações sim, deixar a razão comandar, sim!
Vamos ser nós mesmos, independente do que pensem ou não pensem.
Fingir, mentir, omitir??
Não estamos nós, velhinhos demais para isso??
Chega de nos colocarmos como donos de alguma coisa.
Não somos donos nem de nós mesmos, mas precisamos e devemos sim, a todo momento, ser donos de nossos sentimentos, vontades, palavras e letras!
Não deixemos nada para amanhã.
Não façamos nenhum plano para depois.
Clichê?
Foda-se!

A vida é um sopro!!!!

"Todos os dias quando acordo
Não tenho mais o tempo que passou
Mas tenho muito tempo
Temos todo tempo do mundo.

Todos os dias
Antes de dormir
Lembro e esqueço como foi o dia
Sempre em frente
Não temos tempo a perder..."

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Já é hora de descansar...

Só Em Você...

Me Ame...