Incapazes....

A gente poderia ter falado de nada.
Poderíamos ter usado o pouco tempo que tínhamos para falar do céu, das nuvens e das bobeiras cotidianas.
A gente poderia ter falado de música nova, de filmes bobos, de séries assistidas. 
De risos, do tempo, dos livros ganhados, lidos e relidos.

A gente poderia ter falado de tudo.
De sentimento, de ausência, de sentir falta.
Poderíamos ter falado de como nos sentíamos em relação a tudo isso.
Da separação diária, do se afastar um do outro a todo momento.
E do que poderíamos fazer para parar com isso.

A gente poderia ter falado sobre nós.
De como éramos quando nos conhecemos.
A gente sempre gostou de falar disso, lembra?
Poderíamos ter falado de saudade, de lembranças...
De como o amor havia tomado nossos corações.

A gente poderia ter falado sobre hoje.
Em como havia sido nossos dias mornos.
Em qual parte do dia havíamos pensado um no outro.
Em qual canção a gente havia sorrido...
Ou sentido vontade apenas de falar um "oi".

A gente poderia...
Mas não falamos de nada e nem de tudo.
Deixamos o pouco tempo que tínhamos para brigar.
Mais uma vez.

Não falamos de amor, deixamos a dor ferir mais uma vez.
Não falamos de saudade, deixamos as ofensas tomarem conta de tudo.
Não falamos de nós.
Não falamos de sentimentos, deixamos o ódio xingar e ofender.
Não falamos.
Simplesmente não falamos.
E pela última vez, choramos.

A gente poderia ter redescoberto o amor...
Mas...não conseguimos.

E foi mais fácil não falar...e darmos:

Adeus!



Comentários