Embriagar de Você...

O vinho sob minha pele...
Escorre...você lambe.
Meu seios engolidos por tua boca ávida.
Sorve...
Degusta.
Eu arrepio.
Teus beijos molhados, o cheiro do vinho.
Tua língua,teu desejo.
Meus gemidos.
A pele branca sangra na tua boca.
As marcas não ferem,você me morde.
Eu arranho você.
Me beija o ventre, me incendeia a alma.
Meus pés,dedos lambidos um a um por tua boca sedenta.
Minhas coxas apertadas, mordidas, lambidas.
O cheiro do vinho embriaga, entorpece.
Minha virilha desenhada por tua língua.
Meu néctar se junta ao sabor do vinho.
Você engole,suga,saboreia...
O vinho em tua pele.
Te provo,te sinto,te engulo.
O gosto da tua pele, o sabor do vinho.
Você se contorce,eu te mordo.
Sugo-te inteiro,ávida por teu gozo.
Me colo em você.
Beija minha boca..me penetra forte.
Te agarro, sorrio.
Saciada...
Balanço embalado pelo vinho.
Ritmo frenético dos corpos embriagados.
Sons abafados pelas bocas que não se desgrudam.
Derramar...do vinho que exala do nosso prazer.

Comentários